Que Brasil queremos?

Às vésperas das eleições 2010, uma pergunta simples, porém de resposta bem complexa, é estritamente NECESSÁRIA: Que Brasil queremos?

O que queremos para nós, nossos pais e avós? Para as pessoas que trabalham com a gente (refiro-me aos empregados, aos menos favorecidos)? O que queremos que as próximas gerações (nossos filhos e netos) vivenciem? Que escolas e universidades queremos? Que saúde queremos?
O Brasil já avançou muito, mas ainda há muito para se alcançar.

A hora de decidir é agora! E uma boa decisão leva em consideração tudo isso, e não apenas os interesses próprios ou as informações nada parciais de uma parte da impressa, que é claramente parcial. Se o eleitor é corrupto, ou corrompível, certamente, seu político tb será.
Veja o QUE VOCÊ QUER! Vote no que VOCÊ ACREDITA.

Pense bem! Veja bem! Decida bem!
Agora é a hora de decidir o futuro. O seu futuro. O futuro do país.
=D

PRA QUE A ORDEM E O PROGRESSO SEJAM MANTIDAS E INSTALADAS, NOS LUGARES EM QUE AINDA NÃO HÁ.

Bom dia 03 de outubro para todos.

Beijos ;*

Anúncios

Doce…

É assim que ele me deixa ao acordar-me com um beijo ao pé do ouvido, ouvindo o som de sua voz dizendo me amar… doce!
É assim que eu quero estar todas as manhãs, ou pelo menos naquelas em que amanheçamos juntos.

É assim: doce, feliz, amada e apaixonada que eu quero viver doravante. Amém.

“É esse o amor que podemos escolher: sem sobressaltos, sem dor, sem tristeza, um amor leve, livre, solto, um amor que vem para ficar, para uma vida, para o tempo que durar…”
{Na contra Partida}

A curiosidade matou o gato!

Literalmente! 😉
____

Obs: Todo gato é folgado! Inclusive o meu…
{Meu gato não é de estimação, é gato de … hum… de gato mesmo! hehe}

Como num dia de domingo…

Lendo blogs na internet ao invés de estudar para as quatro provas que se aproximam , li uma coisinha que me inspirou:

“Você aí, você leitor que namora há três anos, você pode até ter inveja da minha sexta-feira, do happy hour que eu fui, da festa que eu emendei e da quantidade de gente que eu conheci, mas eu SEMPRE terei inveja do seu domingo.”
[…]
“Na sexta e no sábado é ótimo ser solteiro, mas domingo a tarde sempre falta alguém pra estar ao lado.”

Desaventuras Namorosas

E num é que é mesmo?! Os meus (nossos) domingos são tão bons. Tão agradáveis. É uma rotina meio que estabelecida. Na maioria das vezes quase todas,passamos o dia em casa mesmo… assistimos um filme, o jogo do São Paulo ou o clássico do dia… nos divertimos com o humor ‘negro’ do pânico e fazemos outras ‘coisitchas’ mais… mas NUNCA precisamos assistir o Faustão ou qlqr outra baboseira que a Globo insiste em passar.
Daí, a gente aproveita e tb brinca de casinha… e meio que já treina pra o nosso casamento que será daqui há alguns (muitos) anos. Pipoca, chocolate, almoço, café… suco… ou água, depende do armário!

=D

Resumindo… os meus (nossos) domingos são mesmo de dá inveja ;*

Borboletas Azuis.

“Borboletas azuis
no feitiço do olhar,
outras mil cores
surgindo no ar.
Imaginação colorida,
são sonhos de vida
querendo se renovar.
Flores perfumadas
formando jardins.
Almas apaixonadas
prometidas no sim.
São juras de amor,
é um favor
sem pedir recompensas.
São laços de ternura
flutuando nas alturas,
onde o chão não faz presença.
É tudo magia,
uma fantasia
cheia de esperanças.
São mesclas de espiritualidade,
espalhadas sutilmente
na nossa realidade.
São nossos pensamentos
girando em movimentos,
sintonizados no carinho e na bondade.
São nossos caminhos,
abrindo novos caminhos,
chamando por nós
cheios de alegria e felicidade…”

(Publicado no Recanto das Letras em 27/10/2007)

——–

Que permaneçam, as borboletas azuis, colorindo o nosso mundo. ;D

Amiga minha ;)

Post dedicado para uma amiga querida!
————————————-
Ela é realmente muito bonita! A princípio, em uma primeira olhada, é isso que chama atenção nela. Mas depois, com um pouquinho de conversa… vc descobre tantas outras qualidades, que aquela beleza vai ficando de lado e outras mais vão se sobressaindo. É uma meiguice, uma ingenuidade bonita de se ver neste século. Uma fé que move montanhas… (ela brinca e diz que é a mola do fundo do poço dela). Uma insegurança em determinados quesitos que a faz necessitar de uma voz meio fanha e um discurso meio destrambelhado para acalmá-la. É um pouquinho de dengo e charme que a fazem conseguir coisas quase impossíveis… é uma sinceridade e serenidade… É uma responsabilidade, um desejo de fazer td ao ‘pé-da-letra’ que as vezes me inveja e as vezes me deixa angustiada… rs =D! É muito mais que isso!

É uma pessoa que me escuta, que me entende, que parece muito comigo… que pensa como eu… é alguém que conta comigo, e eu acho isso mais importante do que o fato de eu tb contar com ela… É como se ela me fizesse sentir especial, importante. Principalmente quando ela me liga ‘desesperada’ por qlqr coisa ou por algo desesperador.
Faz com que ue me sinta como um super-herói! (rs… eu sei, sou meio maluca). =D
{eu, definitivamente, gosto disso}

Ela tb tem defeitos, claro. Assim como eu e como vc que está lendo. Mas, se isso é uma declaração de amizade, não faz o menor sentido falar a respeito.
Até pq, as imperfeições que nós temos (eu.e.ela), nos unem ainda mais.

I love You, Rafinha. So much!
Obrigada por precisar de mim e por estar sempre presente ‘in my life’.

O cérebro do homem! (De quem mesmo?)


Verdade absoluta!

Verdade ‘mais absoluta ainda’!

Entretanto, posso garantir que algumas mulheres tem cérebros masculinos completamente desenvolvidos… aliás, eu diria, bem mais evoluídos e criativos!
Pela ética que nos une, jamais citarei seus nomes… kkkkk 😉

Beijos. ;**

Obs: ano que vem, ahahahahaha… esses cérebros! {Piada interna}